oportunidades

Correios abrem inscrições de concurso para 88 vagas

09 de out de 2017 às 16:59 | em: oportunidades

Foto: Reprodução

Os Correios abrem nesta segunda-feira (9) as inscrições do concurso público para 88 vagas e formação de cadastro de reserva em cargos de níveis médio/ técnico e superior. Os salários vão de R$ 1.876,43 a R$ 4.903,05. O Instituto Americano de Desenvolvimento (Iades) é a organizadora responsável pela seleção. Os cargos de nível superior são para enfermeiro do trabalho júnior, engenheiro de segurança do trabalho e médico do trabalho júnior. As vagas de nível médio são para auxiliar de enfermagem do trabalho e técnico de segurança do trabalho. Do total das oportunidades, 10% são reservadas para pessoas com deficiência e 20% para negros. As inscrições devem ser feitas de 9 a 20. A taxa é de R$ 50 para nível médio e R$ 70 para nível superior. As oportunidades são para Brasília, Rio Branco, Maceió, Manaus, Macapá, Salvador, Fortaleza, Vitória, Goiânia, São Luís, Belo Horizonte, Campo Grande, Belém, João Pessoa, Recife, Teresina, Curitiba, Rio de Janeiro, Natal, Porto Velho, Boa Vista, Porto Alegre, São José (SC), Aracaju, Bauru (SP), São Paulo e Palmas. Não há vagas para o estado do Mato Grosso. A prova está prevista para o dia 26 de novembro, no turno da tarde, e terão duração de quatro horas. Segundo os Correios, a seleção tem como objetivo repor o quadro de profissionais técnico-especializados, em cumprimento às exigências de norma regulamentadora do Ministério do Trabalho. Essa norma estabelece, dentre outros critérios, a exigência legal mínima de um quantitativo de cargos para compor o SESMT (Serviço Especializado em Segurança e Medicina do Trabalho) da empresa. (G1).

Emprego: Ford inicia nesta semana 160 contratações em Camaçari

13 de jul de 2017 às 15:49 | em: Emprego,oportunidades

Foto: Reprodução

O Sindicato dos Metalúrgicos de Camaçari promoveu uma assembleia, nesta segunda-feira (10), na entrada da fábrica da Ford da cidade para anunciar a criação de 160 vagas de emprego na unidade. Por meio do presidente da entidade, Júlio Bonfim, foi negociado com a empresa a necessidade da criação desses novos postos de trabalho para suprir a crescente demanda.  As contratações serão iniciadas esta semana e os interessados podem procurar a área de recursos humanos da unidade para encaminhar currículo. As contratações são para um período de cinco meses, mas podem ser prorrogadas de acordo com o andamento das vendas de automóveis. Do total, 20% das vagas serão reservadas obrigatoriamente às mulheres, com o indicativo de que este percentual seja maior. O dirigente da Fitmetal, Sérgio Miranda, esteve na assembleia. “A Ford reconheceu a necessidade do aumento na velocidade na linha de produção devido à melhora que se teve no mercado automotivo nos últimos meses. Assim, em negociação com o sindicato, foi estabelecido que a empresa irá fazer essa contratação imediata com a porcentagem mínima reservada às mulheres”, comentou. O presidente da CTB Bahia, Pascoal Carneiro participou da assembleia. No ato, os trabalhadores do setor de estamparia da Ford aproveitaram a oportunidade e homenagearam com faixas o presidente Júlio Bonfim pelas negociações junto à fábrica e pela sua combativa atuação à frente do sindicato.

MEC anuncia 100 mil vagas para o Fies em 2018 a juro zero

07 de jul de 2017 às 15:08 | em: oportunidades

Foto: Ilustração

O Ministério da Educação (MEC) anunciou na manhã desta quinta-feira (6) as novas regras para o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), com a divisão do programa em três modalidades a partir de 2018. Serão oferecidas 300 mil vagas no ano que vem, das quais um terço terá juro zero para os alunos. “A partir de 2018, o novo Fies garantirá 300 mil contratos ao ano”, garantiu o ministro da Educação, Mendonça Filho. “Há a necessidade de adesão dos bancos e a constituição do novo fundo garantidor”, completou lembrando que o governo editará uma medida provisória nesta quinta-feira com as novas regras. A primeira faixa – chamada Fies 1 ou Fies Fundo Garantidor – será voltada para os alunos com renda família mensal per capita de até três salários mínimos (R$ 2.811) e terá 100 mil vagas com juros reais zero, ocorrendo apenas a correção pela inflação. Nessa modalidade, os estudantes começarão a pagar as prestações do financiamento com no máximo 10% da renda mensal. “O aluno saberá o valor da dívida e o índice de correção. O valor ficará travado para que aluno não seja cobrado por algo além de sua capacidade de pagar”, avaliou o ministro. Segundo o MEC, haverá um fundo garantidor com recursos da União e as mudanças vão gerar uma economia de R$ 300 milhões ao governo com taxas operacionais. Nessa modalidade, o risco de inadimplência será compartilhado com as universidades privadas. “Em dez anos, a União irá poupar R$ 6 bilhões, que serão revertidos para investimentos na educação do País”, completou Mendonça. A segunda modalidade – chamada Fies 2 ou Fies Regional – será voltada para alunos com renda familiar mensal per capita de até cinco salários mínimos (R$ 4.685), com juros baixos – de até 3% ao ano mais correção monetária – e risco de crédito dos bancos. Nesta modalidade, serão ofertadas 150 mil vagas para a regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste. A fonte de recursos serão os fundos constitucionais regionais. Na terceira modalidade – Fies 3 ou Fies Desenvolvimento/Trabalhador -, as fontes de recursos serão o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e os fundos regionais de desenvolvimento das Regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, também para estudantes com renda familiar mensal de até cinco salários mínimos per capita. Nessa categoria – cujo risco do crédito também será dos bancos – serão ofertadas 60 mil vagas em 2018. O MEC ainda discute com o Ministério do Trabalho uma nova linha de financiamento para mais 20 mil vagas nessa modalidade. “Um funding com custo menor, como o do BNDES e do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), e com risco dos bancos sairá mais barato”, completou o ministro. Para Mendonça, as novas regras do programa possibilitarão uma governança “austera e sólida” e a gestão sustentável do novo Fies.  “Tínhamos um rombo fiscal sem controle e imprevisível, com inadimplência elevada na carteira de 46,4%, ante uma previsão de 10%. O risco do crédito era totalmente concentrado no Tesouro Nacional”, afirmou. “Mesmo com patamares de mais de 700 mil contratos por ano, não significou ingresso de mais alunos. Muitos alunos substituíram pagamento das mensalidades por Fies.” O ministro destacou ainda que o MEC publicará nesta sexta-feira, 7, uma portaria com a abertura de 75 mil vagas para o 2º semestre de 2017. Essas vagas ainda serão oferecidas com os critérios atuais. Com isso, o total de vagas ofertas neste ano será de 225 mil contratos.

 

Aluno com Down passa em vestibular para Direito

30 de jun de 2017 às 16:12 | em: Educação,oportunidades

Foto: Reprodução

Um jovem brasileiro com Down acaba de realizar seu grande sonho. Passou no vestibular e vai cursar Direito. Willian Vasconcelos foi aprovado em uma universidade de Sobral, no Ceará. Quando ele nasceu, a família não sabia que Wiliian tinha Síndrome de Down. “A médica do posto de saúde disse para mim. Na época ela não usou ‘síndrome de Down’, e também não vou dizer qual nome ela usou. Me entregou meu filho, disse que ia ser difícil ele andar, falar”, contou a mãe, Eridam Vasconcelos. Mas isso foi motivo muito mais amor por parte de todos, conta a mãe. “Eu passei a amar muito mais. A cuidar como se fosse um cristal”, disse.

Preconceito

Willian terminou o ensino médio no ano passado, mas enfrentou diversos desafios por causa do preconceito das pessoas. A frustração foi grande ao se inscrever nos vestibulares das universidades públicas e no Enem e não ser aprovado logo de cara. “Duvidaram da capacidade dele intelectual, cognitiva. Nos fizeram perguntas absurdas, se conhecia cores, se sabia segurar a caneta, se andava só”, relatou a irmão, Klívia. O jovem pensou em desistir, mas renovou as esperanças quando surgiu a oportunidade em uma universidade particular. Sua professora Roberta Araújo foi um incentivo fundamental. “Sempre foi muito estudioso, muito empenhado, muito sociável, extremamente organizado e muito disciplinado”, afirmou Roberta. Willian passou, mas agora o problema enfrentado pela família agora é financeiro. “Não é barato, não é fácil manter um filho numa faculdade particular. Minha preocupação é essa, mas eu não vou desistir”, disse Eridam. Willian esperança:”Eu quero ser um bom advogado, pra ajudar minha família”, revelou.

O medo de falar em público está te impedindo de subir na carreira?

19 de jun de 2017 às 15:45 | em: oportunidades

Foto: Ilustração

Muitos de nós nos escondemos da fala em público. Uma pesquisa de 2014 da Universidade de Chapman indicou que o medo de falar em público era a maior fobia entre os participantes – 25,3% deles tinham medo de falar diante de uma plateia. No entanto, esse medo pode estar limitando sua carreira. Uma pesquisa com mais de 600 empregadores em 2014 descobriu que entre as principais habilidades que os recrutadores procuram, “comunicação oral” é a número um e “talento para apresentação” é a número quatro, enquanto habilidades tradicionais de administração como “coordenar atividades administrativas” ficaram em último.

Foto: Ilustração

Mesmo assim, uma pesquisa online de 2014 com 2.031 funcionários americanos descobriu que 12% estão dispostos a abrir mão disso e deixar outra pessoa fazer a apresentação, mesmo se isso lhes custar mais respeito no ambiente de trabalho. Entre os que se apresentavam, quase 70% concordaram que isso foi determinante para seu sucesso no trabalho. Muitas pessoas dizem que seu medo de falar em público interfere em suas vidas. Há muitas pesquisas mostrando que a ansiedade no local de trabalho pode levar a um desempenho pior. O famoso bilionário Warren Buffett diz que um curso para aprender a falar em público foi em parte responsável pelo seu sucesso. Apesar de boa parte do trabalho no mundo hoje ser feita via telas de computador, a progressão na carreira ainda depende de ser visto e ouvido. Um relatório da IBM que dá conselhos a gerentes mulheres sobre como chegar a posições executivas recomenda que elas se voluntariem para discussões em painéis, assim como escrever em blogs e tuitar para fazer com que seu trabalho fique conhecido na empresa. Harvey Coleman, consultor e autor do livro Empowering Yourself (“Empodere-se”, em tradução livre), identifica três fatores para o sucesso na carreira: desempenho, imagem e exposição. Contudo, eles não têm o mesmo peso, já que exposição vale 60%, imagem 30% e desempenho 10%. “Falar em público não é mais opcional na sua vida professional”.

No Acre, ex-seringueira forma 11 filhos na faculdade

25 de maio de 2017 às 16:38 | em: Educação,oportunidades

Foto: Reprodução

Uma ex-seringueira Marlene da Costa Maciel, de 59 anos, é mais uma mãe que enfrentou todos os obstáculos que foram aparecendo na sua vida para um dia ver seus filhos entrando na universidade. Ela e o marido se mudaram de Seringal Extrema, no Rio Moa, para uma propriedade na zona rural no Ramal Macaxeiral, no município de Cruzeiro do Sul, no Acre, para que os filhos conseguissem estudar e sonhar com um futuro melhor. Os plano deu certo e, hoje, dos 14 filhos vivos do casal (nove homens e cinco mulheres), onze se formaram na faculdade, dois estão perto de concluir seus estudos e um acaba de ingressar no ensino superior. O marido, infelizmente, veio a falecer em 2015 e não pôde comemorar a conquista da família.

Camaçari: Ford começa a incorporar mais 1.500 funcionários a partir deste final de semana

12 de jan de 2017 às 10:22 | em: oportunidades
Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Nos próximos 30 dias cerca de mil e quinhentos trabalhadores retomam seus  postos de trabalhos  na Ford de Camaçari. O inicio será no próximo final de semana e principalmente na segunda-feira, 16 de janeiro, quando 415 metalúrgicos que estavam de  Lay-Off , e os antigos  funcionários da Visteon,    se juntam a  linha de produção. Já no dia 15 de fevereiro será reativado o terceiro turno da  fábrica,  onde  algo em torno de mil operário também  reiniciam suas atividades. A produção do terceiro turno em Camaçari foi interrompida em março de 2016. Nesta unidade são montados o EcoSport e a linha Ka (hatch e sedan). O clima em Camaçari é de muita expectativa e otimismo com esses números, pois com o reinicio do terceiro turno e o fim do Lay-Off,  o  crescimento na produção na Ford é certa  e  isso reflete diretamente na melhoria dos indicadores econômicos da  cidade. Segundo o presidente da Ford para a América do Sul, Lyle Watters, a retomada do terceiro turno “ajuda a reforçar a competitividade para reagir às oportunidades do mercado”. Ainda de acordo com a montadora, o retorno se justifica pela demanda por Ka e EcoSport na América do Sul. O presidente do Sindicato dos Metalúrgicos, Júlio Bonfim, não se cansa de agradecer a Deus as conquistas da categoria na Bahia, “graças a Jesus Cristo conseguimos manter os 1.500 empregos e avançar nas conquistas” declara o líder dos trabalhadores que elogia também a união dos colegas e a qualidade do operário baiano,  como fundamentais para o sucesso  das negociações.(Camaçari Notícias)

Jovem Aprendiz Banco do Brasil 2017; inscreva-se aqui

05 de jan de 2017 às 16:13 | em: Emprego,oportunidades
jovem-aprendiz-bb-1

Ilustração

Mesmo se tratando de uma empresa pública que não vai conceder oportunidades efetivas, o programa não deixa de ser super válido para sua vida profissional. Você adquirirá conhecimento teórico junto com o conhecimento prático. Isso terá um peso muito importante para o seu currículo e vai abrir portas para você. Fique por dentro de maiores informações sobre o jovem aprendiz Banco do Brasil 2017, entenda por que vale a pena você concorrer. Abaixo mencionados quais são os benefícios oferecidos pelo mesmo, a partir das informações é possível entender porque muita gente quer participar:

Programa com duração de 2 anos;
Bolsa remunerada mensal;
Vale transporte;
Vale alimentação;
Plano odontológico e médico;
Necessário ter idade entre 15 e 24 anos.

O programa Jovem Aprendiz Banco do Brasil é uma oportunidade muito bem vinda para todos os interessados. Ela oferece conhecimento profissional e remuneração mensal. O bom é que para preencher as vagas os candidatos não precisam ter experiência profissional. Esse fator não é cobrado para o preenchimento de vagas de

Inscrições

Agora você precisa saber como fazer as inscrições jovem aprendiz Banco do Brasil 2017. A melhor parte é que a sua inscrição pode ser feita através da internet sem que você tenha que procurar o atendimento presencial.

Jovem Aprendiz Banco do Brasil 2017

O banco deixou disponível em seu site com espaço para o cadastramento dos interessados. Veja abaixo no endereço eletrônico como participar das vagas jovem aprendiz BB: www.bb.com.br.

Inscrições para concurso público da Agerba terminam hoje (03); salários chegam a R$6 mil

03 de jan de 2017 às 10:22 | em: Bahia,oportunidades
Fonte: Reprodução

Fonte: Reprodução

O prazo para as inscrições do concurso da Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba) foi prorrogado para o dia 10 de janeiro. O prazo se encerrava nesta terça-feira (3). São 60 vagas de nível médio e superior. As vagas a serem preenchidas são para os municípios de Salvador, Barreiras, Bom Jesus da Lapa, Seabra, Teixeira de Freitas, Alagoinhas, Feira de Santana, Itabuna, Jequié, Juazeiro, Santo Antônio de Jesus e Vitória da Conquista. As vagas de nível superior – Especialista em Regulação – são para a área de Administração, Ciências Econômicas e Contábeis, Direito, Estatística, Arquitetura, Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, entre outros. A remuneração total é de R$ 6.021,64. Já para as vagas de técnico em regulação, é necessário apenas o ensino médio e a remuneração chega a R$ 2.146,37.  Para se inscrever, o candidato deverá entrar no endereço eletrônico do Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação – IBFC (www.ibfc.org.br), acessar o link correspondente, preencher a ficha de inscrição, imprimir o boleto bancário e pagar o valor de acordo com o cargo escolhido.

Inscrições aqui

Edital

Para especialista em regulação, a inscrição custa R$ 140 e, para técnico em regulação, R$ 70. A organização do concurso alerta a importância de os candidatos lerem o edital na íntegra, disponível no site do IBFC, para esclarecimento de dúvidas.

Prefeitura de cidade da região do Sisal abre concurso com Salário de até R$ 6 mil

28 de dez de 2016 às 22:10 | em: oportunidades
Foto: Lauro de Freitas

Foto: Reprodução

A Prefeitura de Pé de Serra, na Bahia, tornou público a prorrogação das inscrições ao concurso público regido pelo edital 001/2016, destinado ao provimento de cargos de todos os principais níveis de escolaridade. O certame será realizado sob responsabilidade da empresa IDM Concursos, que recebe inscrições até 31 de dezembro de 2016, via página oficial www.idemconcursos.com.br.

O salário oferecido aos que forem contratados vai de um mínimo a até R$ 6 mil e a taxa de participação no certame varia de R$ 50,00 a R$ 100,00.

São disponibilizadas 298 vagas, sendo 199 para preenchimento imediato e as outras 99 vagas para formação de cadastro de reserva. Confira os cargos:

  • Nível fundamental: Auxiliar Administrativo, Auxiliar de Enfermagem, Auxiliar de Ensino, Auxiliar de Laboratório, Auxiliar de Serviços Gerais, Coveiro, Eletricista, Gari, Guarda Municipal, Motorista “B”, e Operador de Maquinas Pesadas.
  • Nível médio: Agente de Fiscalização Sanitária, Agente de Tributos, Almoxarife, Fiscal de Tributos, Técnico Agrícola, Técnico em Contabilidade, Técnico em Enfermagem, Técnico em Laboratório e Técnico em Radiologia.
  • Nível superior: Advogado, Assistente Social, Bibliotecário, Enfermeiro, Médico Clínico Geral, Nutricionista, Odontólogo, Orientador Educacional, Pedagogo, Professor Nível I, Supervisor Educacional e Veterinário.

O concurso será dividido em três etapas:

  1. Prova objetiva para todos os cargos;
  2. Prova de títulos para os cargos de nível superior e Professor Nível I;
  3. Exame de sanidade física e mental.

As provas objetivas terão duração de três horas e será aplicada na data prevista de 12 de fevereiro de 2017, e as informações referentes locais e horário de realização, serão previamente divulgados por meio do quadro de avisos da Prefeitura e do site da organizadora. A validade do certame será de dois anos, a contar da data de publicação do edital de homologação, prorrogável por mais uma vez por até igual período, a critério da Prefeitura.

Maiores informações podem ser conferidas (aqui).

(Informações Portal de Notícias)

Araci: Liberadas bolsas de estudos para cursos gratuitos do Programa Qualificação

10 de nov de 2016 às 09:14 | em: Araci,Educação,oportunidades

whatsapp-image-2016-11-10-at-08-31-35

A página no Facebook do Programa Qualificação diz que estão liberadas bolsas de estudo para cursos gratuitos na cidade de Araci. Os cursos oferecidos são:

– Atendente de Farmácia;
– Gestão Administrativa;
– Inglês Para o Dia a Dia.

Segundo o grupo, as vagas são limitadas!
Para acessar a página no Facebook, clique aqui. Para acessar a página de inscrição, clique aqui.

Com investidores de todo o mundo, A Voz do Campo cobrirá seminário de Energia Eólica em Salvador

09 de nov de 2016 às 08:37 | em: Brasil,oportunidades
screenshot_4

Abertura da página do seminário | Viex Américas

A convite da CRNBio Consultoria Sócio-ambiental e da VIEX Américas, o site A Voz do Campo participará, em Salvador, da cobertura de mídia de um dos maiores eventos do setor eólico do país, O Seminário Socioambiental Eólico no dia 05 de dezembro. Há 03 (três) anos ele reúne operadores de parques eólicos, órgãos ambientais, representantes governamentais e especialistas em torno de um debate que busca encontrar os caminhos da confluência dos interesses energéticos, ambientais, sociais, históricos e econômicos. Mais de 200 participantes estiveram presentes nas últimas edições, discutindo os gargalos para o desenvolvimento dos projetos eólicos e a infraestrutura necessária para o funcionamento destes (linhas de transmissão, telecomunicações, rodovias, subestações) os impactos nas comunidades, a influência dos empreendimentos na fauna e flora e a preservação do patrimônio histórico.
A VIEX Américas é a primeira empresa brasileira especializada na organização de conferências e seminários para a distribuição de informações nos setores de energia renovável, infraestrutura, transporte e recursos naturais. Ela organiza  Este ano o evento contará com a presença de 16 palestrantes das mais variadas áreas. A saber:

-Thomaz Toledo – Chefe da Assessoria Especial em Gestão Socioambiental do Ministério de Minas e Energia;
– Alexandre Sion – Sion Advogados (um dos mais respeitados escritórios de advocacia do país);
– Enio Brandão Fonseca – Presidente da FMASE | CEMIG (empresa de geração e transmissão de energia de Minas Gerais);
– Eugenio Spengler – Secretário de Meio Ambiente do Estado da Bahia;
– Jean Paul Prates – CERNE, SEERN e CRN-Bio (Diretor Presidente da CRNBio, senador suplente pelo RN e um dos maiores especialistas em energia do país);
– Felipe S. Sales – Sócio-Diretor e Arqueólogo da CRN-Bio (araciense responsável pelo convite);
– Thomas Schulthess – CEO da Sowitec (empresa com Parques Eólicos em desenvolvimento na região do Sisal);
– José Carlos de Miranda – Diretor-Presidente da CHESF;
– Júlia Assis – Mattos Filho Advogados;
– Ney Maron – Vice-Presidente de Meio Ambiente e Sustentabilidade da Renova Energia (investidora na Bahia);
– Ricardo Gorini – Diretor de Estudos Econôminco-Energéticos e Ambientais da EPE
– Saulo Cisneiros – Gerente Executivo do ONS (Operadore Nacional do Sistema);
– Simone Nascimento de Souza – Diretora-Presidente da CPRH;
– Simone Nogueira – Siqueira Castro Advogados;
– Tatiana Marques – Gerente de Licenciamento Ambiental da CPFL Renováveis (uma das maiores investidoras de energia do mundo);
– Wagner Grau Neto – Pinheiro Neto Advogados;

O evento reúne as principais empresas, órgãos e profissionais do setor. O seminário é a melhor oportunidade para profissionais, gestores e estudiosos discutirem temas da área, bem omo fazer Networking.

INSCREVA-SE

Valor para inscrição individual até 18/11: R$ 660,00
Valor para inscrição individual após 18/11: R$ 790,00
Local: Sheraton da Bahia, Avenida Sete de Setembro, 1537, Salvador – BA

O evento é uma ótima oportunidade para prefeitos, secretários de infra-estrutura e proprietários de terras de regiões com potencial eólico como a região do Sisal.

A CRN-Bio participou, em São Paulo, do encontro executivo anual de Licenciamento Ambiental do Setor Elétrico

14 de out de 2016 às 16:59 | em: Araci,Bahia,oportunidades,Região Sisal
whatsapp-image-2016-10-14-at-16-48-29

Felipe Sales, Jean-Paul Prates e Luciano Medeiros

A CRN-Bio Consultorias Integradas, que tem sede regional da Bahia situada em Araci, participou, nos dias 06 de 07 de outubro, no Tivoli Mofarrej, em São Paulo, do encontro executivo anual de Licenciamento Ambiental do Setor Elétrico (LASE). O evento discutiu anualmente as diretrizes, leis e procedimentos do licenciamento e da gestão sócio-ambiental relativa ao setor elétrico nacional. Além de ser um dos principais patrocinadores do evento, a empresa enviou três diretores para participar das discussões que incluem o projeto de lei 3729/2004 e seus sucessivos substitutivos, tema que volta à pauta do setor Elétrico este ano.
O sócio-diretor de desenvolvimento econômico e social da CRN-Bio, Luciano Medeiros, considera que as discussões mostraram que uma consolidação da regulamentação ambiental é bem vinda, mas requer cuidados: “vimos que a maioria das entidades, e até mesmo os órgãos ambientais, gostam da ideia de passar a contar com uma lei geral, mas houveram muitos alertas no sentido de que ela não venham com tanto detalhamento que afetme a autonomia dos estados ou, ainda pior, prevejam mecanismos inviáveis de serem implantados”, explica.

whatsapp-image-2016-10-14-at-16-48-08

Luciano Medeiros e Felipe Sales

Para o sócio-diretor de Arqueologia e Patrimônio da CRN-Bio, Felipe Sales, ainda há preocupação geral quanto à origem e efetivação dos recursos para os órgãos trabalharem: “qualquer legislação que deseje aprimorar os licenciamentos, tanto ambiental quanto histórico-cultural, precisará designar recursos para as estruturas locais federais (no caso do IPHAN) e estaduais (no caso dos órgãos ambientais), sob pena de não vermos estruturas, tecnologia e capacitação adequadas suficientes para implementa-la realisticamente”, defende.
Com a participação direta nos debates do LASE, a CRN-Bio mantém a interação direta de seus diretores com os gestores ambientais das empresas do setor elétrico, com representantes dos órgãos licenciadores e também com outras consultorias especializadas. “Nossa empresa tem foco absoluto no Nordeste e em setores complexos regulados; daí a importância de nos mantermos permanentemente atualizados e de interagirmos com clientes e potenciais parceiros num evento como este”, constata Medeiros. A CRN-Bio é a maior consultoria sócio-ambiental do Nordeste especializada em infra-estrutura, energia e recursos naturais. A empresa presta serviços em quatro áreas: Licenciamento e Gestão Ambiental; Geoprocessamento e Regularização Fundiária; Arqueologia e Patrimônio; e Integração Sócio-Comunitária.

whatsapp-image-2016-10-14-at-16-48-08-1

Evento

Para mais informações sobre a CRN-Bio, consulte www.crnbio.com.br

Araciense se reúne com coordenadores do Greenpeace para discutir projetos ambientais para a região do Sisal

06 de out de 2016 às 14:56 | em: Araci,Bahia,Negócios,oportunidades,Região Sisal,Sem categoria

img_20161005_181952

O araciense Felipe S. Sales, que é Arqueólogo, Preservador Patrimonial e Gestor Ambiental, da CRN-Bio Consultorias Integradas, se reuniu com coordenadores do Greenpeace Brasil para discutir formas de integrar as ações do compensação e gestão ambiental dos seus trabalhos com os projetos ativistas e sustentáveis do grupo. Segundo ele, na reunião a equipe aproveitou a oportunidade para expor as características socioambientais da região Sisaleira. Da discussão saíram ideias de parceira que podem ser viabilizadas para a região. O projeto das Escolas Solares do Greepeace foi o mais discutido na reunião. A ONG realizou financiamento coletivo para instalar painéis solares em duas escolas públicas e mostrar que já podemos usar e abusar do potencial do Sol (ver). O grupo vêm ampliando a ideia e buscando instituições que auxiliem na ampliação do projeto, O objetivo é que instituições e empresas instruam o poder público e instituições privadas de cidades do Nordeste para que implantem peneis fotovoltaicos em escolas. O crédito para a aquisição de placas solares já é uma realidade bastante acessível no país e a CRN-Bio é referência neste setor. A empresa é especialista em energia e recursos naturais. O foco agora é apresentar o resultado das discussões em outros eventos para consolidar a parceria e apresentar a proposta às Prefeituras e instituições instaladas na região do Sisal.

img-20161005-wa0029

Reunião na sede do Greenpeace

 

 

Diretor Presidente do CERNE comemora interesse da região do sisal por receber investimentos em energias renováveis

05 de set de 2016 às 12:40 | em: oportunidades,Região Sisal
Jean Paul Prates

Jean Paul Prates

Em contato com o arqueólogo e gestor ambiental Felipe S. Sales, Jean Paul Prates comemorou que a população da região do sisal está começando a cadastrar suas terras para ser avaliada para que seja apresentada a investidores do setor eólico e fotovoltaico (energia solar). Jean Paul Prates, senador suplente pelo RN, é um dos homens mais influentes do setor de energia e recursos renováveis do Brasil.
Matérias veiculadas aqui no A Voz do Campo mostram o interesse do CERNE – Centro de Estratégicas em Recursos Naturais & Energia em ampliar suas análises para a região, bem como explicam como cadastrar sua terra .

Como já noticiamos: 

A instituição tem como foco voltado para a concepção, discussão e implementação de estratégias públicas e privadas relativas ao aproveitamento sustentável dos recursos naturais e energéticos do Nordeste Setentrional do Brasil. Como já noticiamos aqui, ele está com os olhos voltados para a região do sisal e nordeste da Bahia. O potencial para esses investimentos existe e já noticiamos no portal (confira).
O cadastro da sua terra no site não configura nenhum vinculo com a instituição, mas é um grande passo para que você seja visitado por investidores e, assim, ela receba eventuais futuros empreendimentos de geração e distribuição de energia eólica e solar.