Emprego

Feira de Santana: Confira as vagas de emprego disponíveis nesta sexta-feira (18)

18 de ago de 2017 às 10:10 | em: Emprego,Feira De Santana

Foto: Ilustração

Supervisor de atendimento
Sexo feminino ou masculino. Escolaridade: Ensino médio completo ou superior em andamento. Exige experiência em atendimento ao cliente, experiência em liderança. Enviar currículo para
curriculo@oiatende.org

Vendedor no setor de telecomunicações
Vaga para ambos os sexos – trabalhar em horário comercial. Formação: Ensino Médio completo/ superior em andamento. Experiência na área de vendas
Enviar currículo para curriculo@oiatende.org

Auxiliar financeiro
Ambos os sexos. Requisitos: Excel Intermediário/avançado, contas a pagar, contas a receber, cobrança. Enviar currículo com o título da vaga: processorhh@outlook.com

Auxiliar de Crédito e Cobrança ( Call Center ) 
Requisitos: Ter facilidade com digitação, boa dicção e habilidade em negociação com clientes poder de argumentação é fundamental. Perfil para trabalhar com metas. Trabalhar de segunda a sábado. E-mail para envio do currículo rh@msmenezes.com.br

Assistente de manutenção 

Ensino médio completo; precisa ter trabalhado em alguma área administrativa;
Conhecimento no pacote Office, com intermediário em Excel. Enviar currículo para: rh.feirasantana@gmail.com

Analista financeiro 
Superior completo ou cursando administração/ciências contábeis ou áreas afins; experiência na área, conhecimento em contas à pagar e à receber,
Conhecimento em análise de caixa, conhecimento intermediário em excel,
Conhecimento de análises de orçamentos financeiros. Enviar currículo para: rh.feirasantana@gmail.com

Auxiliar de logística 
Ensino médio completo; precisa ter trabalhado em alguma área administrativa;
Conhecimento no pacote Office, com intermediário em Excel. Enviar currículo para: rh.feirasantana@gmail.com

Consultor de vendas
Experiência comprovada com vendas externas (em carteira) sexo masculino, escolaridade – segundo grau completo, habilitação A/B, experiência com vendas externas no ramo automotivo, disponibilidade para viagens, habilidade com informática, tem que ter experiência com vendas externas, remuneração R$ 1.542,86 (fixo) + variável, assistência médica (50%) carro da empresa, vale refeição, seguro de vida e PPR. Candidatos que atendam ao perfil devem enviar o currículo no formato de documento do Word, informando no campo assunto nome da vaga, para o e-mail que segue: curriculo@humanosrh.com.br

Auxiliar de manutenção
Experiência comprovada na área de manutenção geral, sexo masculino, segundo grau completo, curso técnico em elétrica, técnico eletrotécnico, eletrônica, mecatrônica ou refrigeração, NR – 10, experiência com manutenção geral, disponibilidade de horário, remuneração R$ 1.166,00+ benefícios. Candidatos que atendam ao perfil devem enviar o currículo no formato de documento do Word , informando no campo assunto nome da vaga, para o e-mail que segue: curriculo@humanosrh.com.br

Supervisor de vendas

Experiência comprovada na função em carteira, sexo masculino, escolaridade superior completo ou em andamento, habilidade Pacote Office avançado, com foco em Excel, experiência com supervisão de vendas externas, disponibilidade para viagens – remuneração R$ 1.500,00 + comissão, ticket alimentação e carro da empresa. Candidatos que atendam ao perfil devem enviar o currículo no formato de documento do Word, informando no campo assunto nome da vaga, para o e-mail que segue: curriculo@humanosrh.com.br

Fonte: Acorda Cidade

Desemprego fica em 13,0% em junho e atinge 13,5 milhões, diz IBGE

28 de jul de 2017 às 09:51 | em: Emprego

Foto: Ilustração

O desemprego ficou em 13,0% no trimestre encerrado em junho, segundo dados divulgados nesta sexta-feira (28) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), por meio da pesquisa Pnad Contínua. No período, o Brasil tinha 13,5 milhões de desempregados. Trata-se de um recuo de 0,7 ponto percentual em relação ao trimestre terminado em março de 2017. Contudo, a taxa mantém-se 1,7 ponto percentual acima do mesmo trimestre móvel de 2016, quando o desemprego estava em 11,3%. Ainda assim, foi o primeiro recuo estatisticamente significativo desde o trimestre encerrado em dezembro de 2014. No trimestre terminado em maio, a taxa de desocupação era de 13,3%. A taxa de desemprego é medida pelo IBGE por meio de uma média móvel trimestral, ou seja, de três meses, portanto, o dado de junho se refere ao período de abril a junho. O instituto divulga a taxa mensalmente.

Confira as vagas de emprego disponíveis nesta terça-feira (25)

25 de jul de 2017 às 11:11 | em: Emprego,Feira De Santana

 

Foto : Reprodução

Atendente de Hospedagem (Recepcionista)
Idade entre 18 e 30 anos;Necessário ter disponibilidade de Horário (regime de escala) /Horário de trabalho das 14h às 22h20. Não é necessário ter experiência. Inicio Imediato. Enviar currículo com o cargo pretendido, para selecaogrupobraga@gmail.com

Professor de inglês
Que tenha experiência em sala de aula, principalmente em curso de idiomas. Os interessados deverão encaminhar currículo com foto e o nome da vaga no assunto do e-mail para nucleodepessoas@gmail.com

Pessoas com deficiência
Vaga para apoio Administrativo (para pessoa com deficiência), sexo masculino, 2º grau completo, habilidades com informática e experiência na área. Enviar currículo para nucleodepessoas@gmail.com – informar o nome da vaga no assunto do e-mail: Apoio Administrativo.

Pessoas com deficiência
Assistente Administrativo – vaga para pessoa com deficiência, ambos os sexos, 2º grau completo, habilidades com informática e experiência com atendimento ao público. Enviar currículo para nucleodepessoas@gmail.com

Operador de empilhadeira
Sexo masculino. Experiência mínima de 2 anos comprovado em carteira. Atividades: operar empilhadeira, retirando os paletes com material de produção e transportando para o estoque. Manter as empilhadeiras em boas condições mecânicas de funcionamento, solicitar manutenção e abastecimento, quando necessário. Enviar currículo com título da vaga para: rhhrecrutamento@outlook.com

Estágio – engenharia de alimentos
Cursando 1º ao 6º semestre matutino. Carga horária: 6hs/dia (seg a sex) 15h às 21h15hs / bolsa: R$ 746,00,00 + auxílio transporte + auxílio alimentação. Os interessados deverão se cadastrar no www.ielestagio.org.br , escolher a vaga e clicar em me candidatar. Obs.: A vaga só fica disponível para candidatura até atingir o número máximo de candidatos.

Setor fiscal
Ambos os sexos. A vaga exige experiência na área de setor fiscal com conhecimento em apuração de impostos: Pis/Cofins/Imposto de renda/Cssl/Icms/Retenções federais/ Iss entrega de Declarações Acessórias fiscais: Dacom, DMA, Sped fiscal/contribuições, Dctf, para trabalhar em um escritório de contabilidade Profissionais que atendem a estas exigências podem enviar currículo para smrcontabil@hotmail.com – assunto: Setor Fiscal

Arte – finalista (gráfica)
Necessário experiência em gráfica rápida, Corel Drew, artes em geral , habilidades com Word, digitação e internet. Candidato que possua moto. Sexo masculino. Currículo com foto. Pré – requisitos: comunicativo, boa dicção, com disponibilidade de horário, que trabalhe sob pressão e em equipe, habilidade em negociação com clientes poder de argumentação é fundamental. Segunda a sábado. Enviar currículos para: atendimento01.graficastilo@hotmail.com.
(Acorda Cidade).

Emprego: Ford inicia nesta semana 160 contratações em Camaçari

13 de jul de 2017 às 15:49 | em: Emprego,oportunidades

Foto: Reprodução

O Sindicato dos Metalúrgicos de Camaçari promoveu uma assembleia, nesta segunda-feira (10), na entrada da fábrica da Ford da cidade para anunciar a criação de 160 vagas de emprego na unidade. Por meio do presidente da entidade, Júlio Bonfim, foi negociado com a empresa a necessidade da criação desses novos postos de trabalho para suprir a crescente demanda.  As contratações serão iniciadas esta semana e os interessados podem procurar a área de recursos humanos da unidade para encaminhar currículo. As contratações são para um período de cinco meses, mas podem ser prorrogadas de acordo com o andamento das vendas de automóveis. Do total, 20% das vagas serão reservadas obrigatoriamente às mulheres, com o indicativo de que este percentual seja maior. O dirigente da Fitmetal, Sérgio Miranda, esteve na assembleia. “A Ford reconheceu a necessidade do aumento na velocidade na linha de produção devido à melhora que se teve no mercado automotivo nos últimos meses. Assim, em negociação com o sindicato, foi estabelecido que a empresa irá fazer essa contratação imediata com a porcentagem mínima reservada às mulheres”, comentou. O presidente da CTB Bahia, Pascoal Carneiro participou da assembleia. No ato, os trabalhadores do setor de estamparia da Ford aproveitaram a oportunidade e homenagearam com faixas o presidente Júlio Bonfim pelas negociações junto à fábrica e pela sua combativa atuação à frente do sindicato.

Reforma trabalhista é aprovada no Senado; confira o que muda na lei

11 de jul de 2017 às 21:25 | em: Brasil,Emprego

Foto: Ilustração

O Senado aprovou nesta terça-feira (11) o texto da reforma trabalhista. Para virar lei, as novas regras ainda dependem da sanção do presidente Michel Temer. A reforma muda a lei trabalhista brasileira e traz novas definições sobre férias, jornada de trabalho e outras questões.

Férias

Regra atual
As férias de 30 dias podem ser fracionadas em até dois períodos, sendo que um deles não pode ser inferior a 10 dias. Há possibilidade de 1/3 do período ser pago em forma de abono.

Nova regra
As férias poderão ser fracionadas em até três períodos, mediante negociação, contanto que um dos períodos seja de pelo menos 15 dias corridos.

Jornada

Regra atual
A jornada é limitada a 8 horas diárias, 44 horas semanais e 220 horas mensais, podendo haver até 2 horas extras por dia.

Nova regra
Jornada diária poderá ser de 12 horas com 36 horas de descanso, respeitando o limite de 44 horas semanais (ou 48 horas, com as horas extras) e 220 horas mensais.

Tempo na empresa

Regra atual
A CLT considera serviço efetivo o período em que o empregado está à disposição do empregador, aguardando ou executando ordens.

Nova regra
Não são consideradas dentro da jornada de trabalho as atividades no âmbito da empresa como descanso, estudo, alimentação, interação entre colegas, higiene pessoal e troca de uniforme.

Descanso

Regra atual
O trabalhador que exerce a jornada padrão de 8 horas diárias tem direito a no mínimo uma hora e a no máximo duas horas de intervalo para repouso ou alimentação.

Nova regra
O intervalo dentro da jornada de trabalho poderá ser negociado, desde que tenha pelo menos 30 minutos. Além disso, se o empregador não conceder intervalo mínimo para almoço ou concedê-lo parcialmente, a indenização será de 50% do valor da hora normal de trabalho apenas sobre o tempo não concedido em vez de todo o tempo de intervalo devido.

Remuneração

Regra atual
A remuneração por produtividade não pode ser inferior à diária correspondente ao piso da categoria ou salário mínimo. Comissões, gratificações, percentagens, gorjetas e prêmios integram os salários.

Nova regra
O pagamento do piso ou salário mínimo não será obrigatório na remuneração por produção. Além disso, trabalhadores e empresas poderão negociar todas as formas de remuneração, que não precisam fazer parte do salário.

Plano de cargos e salários

Regra atual
O plano de cargos e salários precisa ser homologado no Ministério do Trabalho e constar do contrato de trabalho.

Nova regra
O plano de carreira poderá ser negociado entre patrões e trabalhadores sem necessidade de homologação nem registro em contrato, podendo ser mudado constantemente.

Transporte

Regra atual
O tempo de deslocamento no transporte oferecido pela empresa para ir e vir do trabalho, cuja localidade é de difícil acesso ou não servida de transporte público, é contabilizado como jornada de trabalho.

Nova regra
O tempo despendido até o local de trabalho e o retorno, por qualquer meio de transporte, não será computado na jornada de trabalho.

Trabalho intermitente (por período)

Regra atual
A legislação atual não contempla essa modalidade de trabalho.

Ações na Justiça

Regra atual
O trabalhador pode faltar a até três audiências judiciais. Os honorários referentes a perícias são pagos pela União. Além disso, quem entra com ação não tem nenhum custo.

Nova regra
O trabalhador será obrigado a comparecer às audiências na Justiça do Trabalho e, caso perca a ação, arcar com as custas do processo. Para os chamados honorários de sucumbência, devidos aos advogados da parte vencedora, quem perder a causa terá de pagar entre 5% e 15% do valor da sentença. O trabalhador que tiver acesso à Justiça gratuita também estará sujeito ao pagamento de honorários de perícias se tiver obtido créditos em outros processos capazes de suportar a despesa. Caso contrário, a União arcará com os custos. Da mesma forma, terá de pagar os honorários da parte vencedora em caso de perda da ação. Além disso, o advogado terá que definir exatamente o que ele está pedindo, ou seja, o valor da causa na ação. Haverá ainda punições para quem agir com má-fé, com multa de 1% a 10% da causa, além de indenização para a parte contrária. É considerada de má-fé a pessoa que alterar a verdade dos fatos, usar o processo para objetivo ilegal, gerar resistência injustificada ao andamento do processo, entre outros. Caso o empregado assine a rescisão contratual, fica impedido de questioná-la posteriormente na Justiça trabalhista. Além disso, fica limitado a 8 anos o prazo para andamento das ações. Se até lá a ação não tiver sido julgada ou concluída, o processo será extinto.

Multa

Regra atual

A empresa está sujeita a multa de um salário mínimo regional, por empregado não registrado, acrescido de igual valor em cada reincidência.

Nova regra
A multa para empregador que mantém empregado não registrado é de R$ 3 mil por empregado, que cai para R$ 800 para microempresas ou empresa de pequeno porte. O trabalhador poderá ser pago por período trabalhado, recebendo pelas horas ou diária. Ele terá direito a férias, FGTS, previdência e 13º salário proporcionais. No contrato deverá estar estabelecido o valor da hora de trabalho, que não pode ser inferior ao valor do salário mínimo por hora ou à remuneração dos demais empregados que exerçam a mesma função. O empregado deverá ser convocado com, no mínimo, três dias corridos de antecedência. No período de inatividade, pode prestar serviços a outros contratantes.

Trabalho remoto (home office)

Regra atual

A legislação não contempla essa modalidade de trabalho.

Nova regra
Tudo o que o trabalhador usar em casa será formalizado com o patrão via contrato, como equipamentos e gastos com energia e internet, e o controle do trabalho será feito por tarefa.

Trabalho parcial

Regra atual
A CLT prevê jornada máxima de 25 horas por semana, sendo proibidas as horas extras. O trabalhador tem direito a férias proporcionais de no máximo 18 dias e não pode vender dias de férias.

Nova regra
A duração pode ser de até 30 horas semanais, sem possibilidade de horas extras semanais, ou de 26 horas semanais ou menos, com até 6 horas extras, pagas com acréscimo de 50%. Um terço do período de férias pode ser pago em dinheiro.

Negociação

Regra atual
Convenções e acordos coletivos podem estabelecer condições de trabalho diferentes das previstas na legislação apenas se conferirem ao trabalhador um patamar superior ao que estiver previsto na lei.Nova regra
Convenções e acordos coletivos poderão prevalecer sobre a legislação. Assim, os sindicatos e as empresas podem negociar condições de trabalho diferentes das previstas em lei, mas não necessariamente num patamar melhor para os trabalhadores. Em negociações sobre redução de salários ou de jornada, deverá haver cláusula prevendo a proteção dos empregados contra demissão durante o prazo de vigência do acordo. Esses acordos não precisarão prever contrapartidas para um item negociado.

Acordos individualizados de livre negociação para empregados com instrução de nível superior e salário mensal igual ou superior a duas vezes o limite máximo dos benefícios do INSS (R$ 5.531,31) prevalecerão sobre o coletivo.

Prazo de validade das normas coletivas

Regra atual
As cláusulas dos acordos e convenções coletivas de trabalho integram os contratos individuais de trabalho e só podem ser modificados ou suprimidos por novas negociações coletivas. Passado o período de vigência, permanecem valendo até que sejam feitos novos acordos ou convenções coletivas.

Nova regra
O que for negociado não precisará ser incorporado ao contrato de trabalho. Os sindicatos e as empresas poderão dispor livremente sobre os prazos de validade dos acordos e convenções coletivas, bem como sobre a manutenção ou não dos direitos ali previstos quando expirados os períodos de vigência. E, em caso de expiração da validade, novas negociações terão de ser feitas.

Representação

Regra atual
A Constituição assegura a eleição de um representante dos trabalhadores nas empresas com mais de 200 empregados, mas não há regulamentação sobre isso. Esse delegado sindical tem todos os direitos de um trabalhador comum e estabilidade de dois anos.

Nova regra
Os trabalhadores poderão escolher 3 funcionários que os representarão em empresas com no mínimo 200 funcionários na negociação com os patrões. Os representantes não precisam ser sindicalizados. Os sindicatos continuarão atuando apenas nos acordos e nas convenções coletivas.

Demissão

Regra atual
Quando o trabalhador pede demissão ou é demitido por justa causa, ele não tem direito à multa de 40% sobre o saldo do FGTS nem à retirada do fundo. Em relação ao aviso prévio, a empresa pode avisar o trabalhador sobre a demissão com 30 dias de antecedência ou pagar o salário referente ao mês sem que o funcionário precise trabalhar.

Nova regra
O contrato de trabalho poderá ser extinto de comum acordo, com pagamento de metade do aviso prévio e metade da multa de 40% sobre o saldo do FGTS. O empregado poderá ainda movimentar até 80% do valor depositado pela empresa na conta do FGTS, mas não terá direito ao seguro-desemprego.

Danos morais

Regra atual
Os juízes estipulam o valor em ações envolvendo danos morais.

Nova regra
A proposta impõe limitações ao valor a ser pleiteado pelo trabalhador, estabelecendo um teto para alguns pedidos de indenização. Ofensas graves cometidas por empregadores devem ser de no máximo 50 vezes o último salário contratual do ofendido.

Contribuição sindical

Regra atual
A contribuição é obrigatória. O pagamento é feito uma vez ao ano, por meio do desconto equivalente a um dia de salário do trabalhador.

Nova regra
A contribuição sindical será opcional.

Terceirização

Regra atual
O presidente Michel Temer sancionou o projeto de lei que permite a terceirização para atividades-fim.

Nova regra
Haverá uma quarentena de 18 meses que impede que a empresa demita o trabalhador efetivo para recontratá-lo como terceirizado. O texto prevê ainda que o terceirizado deverá ter as mesmas condições de trabalho dos efetivos, como atendimento em ambulatório, alimentação, segurança, transporte, capacitação e qualidade de equipamentos.

Gravidez

Regra atual
Mulheres grávidas ou lactantes estão proibidas de trabalhar em lugares com condições insalubres. Não há limite de tempo para avisar a empresa sobre a gravidez.

Nova regra
É permitido o trabalho de mulheres grávidas em ambientes considerados insalubres, desde que a empresa apresente atestado médico que garanta que não há risco ao bebê nem à mãe. Mulheres demitidas têm até 30 dias para informar a empresa sobre a gravidez.

Banco de horas

Regra atual
O excesso de horas em um dia de trabalho pode ser compensado em outro dia, desde que não exceda, no período máximo de um ano, à soma das jornadas semanais de trabalho previstas. Há também um limite de 10 horas diárias.

Nova regra
O banco de horas pode ser pactuado por acordo individual escrito, desde que a compensação se realize no mesmo mês.

Rescisão contratual

Regra atual
A homologação da rescisão contratual deve ser feita em sindicatos.

Nova regra
A homologação da rescisão do contrato de trabalho pode ser feita na empresa, na presença dos advogados do empregador e do funcionário – que pode ter assistência do sindicato. (G1).

ASCOOB promoverá curso de atendimento ao cliente em Araci; vagas limitadas

08 de jul de 2017 às 08:36 | em: Araci,Educação,Emprego

Foto: Ilustração

Nos dias 07 a 11 de Agosto de 2017, a Cooperativa de Crédito Rural – ASCOOB COOPERAR, em parceria com SEBRAE promoverão no município de Araci, Bahia o curso “Atendimento ao Cliente”. O evento acontece no auditório da ASCOOB – Rua Jose Pinheiro, nº 14 / Centro, Araci – BA das 19 às 22 horas, com carga horária de 15h. A capacitação vai permitir aos participantes uma reflexão sobre processos e ações que envolvem o atendimento praticado na empresa, além de orientar na geração de resultados positivos por meio da satisfação do cliente. Dentre os conteúdos ministrados no curso estão diretrizes para o tratamento de reclamações, como lidar com situações e clientes difíceis, a superação das expectativas; entre outros. Todos os participantes receberão certificado e material didático grátis. Inscrições presenciais mediante preenchimento de cadastro na Agência do Ascoob em Araci.

Para maiores informações: (75)3266 – 2200.
As vagas são limitadas.

TRE-BA lança edital de concurso público com 41 vagas

22 de jun de 2017 às 08:30 | em: Bahia,Emprego

Foto: Divulgação

No Diário Oficial da União (DOU) desta quarta-feira (21), foi publicado o edital do Concurso Público 2017 do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), que será realizado em agosto. As inscrições começam no dia 6 de julho e se encerram no dia 24 do mesmo mês, e podem ser feitas no site do Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe/Cespe).  As inscrições custam R$ 85 para analista e R$ 70 para técnico. Ao todo, são 41 vagas, sendo 16 para analista judiciário e 25 para técnico judiciário. Dessas, 39 são destinadas aos cartórios eleitorais dos municípios do interior. Para a capital, foram abertas duas vagas para cargos específicos. A aplicação das provas está prevista para 20 de agosto.

Cargos

As 16 vagas para os cargos de analista judiciário, com requisito de nível superior, se dividem em sete para a área Administrativa e nove na área Judiciária. Para técnico judiciário, sendo exigido nível médio, são 25 vagas, sendo 23 para área administrativa. Para Salvador são apenas duas vagas para cargos específicos de técnico judiciário, sendo uma para especialidade em Eletricidade e Telecomunicações e uma para especialidade em Operação de Computadores. O edital oferece também vagas para formação de cadastro reserva. Os vencimentos iniciais são de R$10.119,93, para nível superior e R$ 6.167,99, para nível médio. O presidente do TRE baiano, desembargador José Edivaldo Rocha Rotondano, comemorou a publicação do edital. “A realização do nosso concurso público foi uma das metas que estabeleci para 2017”, comentou.

Inscrições do Concurso IBGE 2017 se encerram nesta terça (23); são 24 mil vagas

22 de maio de 2017 às 09:53 | em: Brasil,Emprego

Foto: llustração

Última chance! O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (Concurso IBGE) encerra nesta terça-feira, dia 23 de maio, as inscrições de seu segundo processo seletivo que  selecionará profissionais temporários para atuarem no Censo Agropecuário. São oferecidas de 24 mil vagas para candidatos com níveis fundamental e médio de escolaridade. As participações são aceitas no site da organizadora, que é a Fundação Getúlio Vargas, até 23h59. As taxas são no valor de R$ 27, R$ 41, R$ 42,50 R$ 22 ou R$ 39,50 ou R$ 78. O prazo vai das 10h às 23h59, sabendo que os candidatos devem pagar o valor da inscrição até 9 de junho de 2017. O destaque do segundo edital está na função de recenseador, cargo destinado a quem possui apenas o nível fundamental. São 18.829 vagas. A remuneração é por produtividade, mas segundo informações passadas pelo IBGE, na seleção passada, os rendimentos podem chegar a R$ 3 mil. Há ainda 1.256 vagas temporárias de agente censitário municipal (nível médio; R$ 2.358); e 4.854 de agente censitário supervisor (nível médio; R$ 2.058). O primeiro edital conta com 1.071 vagas, sendo 349 vagas de agente censitário regional (nível médio e habilitação, com R$ 2.958), 377 de agente censitário administrativo (médio e R$ 1.958), 174 de agente de informática (médio/técnico e R$ 2.158), e 171 de analista censitário (superior e R$ 4.458). Esse último dividido em 18 especialidades.

Concurso Polícia Militar PM BA 2017: Saiu o edital com 2.000 vagas para Soldado!

11 de maio de 2017 às 09:44 | em: Bahia,Emprego,Policia

Foto: Ilustração

Saiu o tão aguardado edital de concurso público da Polícia Militar do Estado da Bahia (Concurso PM BA 2017). De acordo com o documento divulgado no Diário Oficial da Bahia desta quarta-feira (10), serão oferecidas nada menos que 2.000 (duas mil) vagas para participação no Curso de Formação de Soldado da Polícia Militar da Bahia do Quadro de Praças Policiais Militares (QPPM). Para concorrer a uma das vagas no concurso da Polícia Militar/BA, será necessário certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino médio (antigo 2º grau) ou formação técnica profissionalizante de nível médio, expedido por Instituição de Ensino reconhecido pelo Ministério da Educação – MEC. Para ingresso e exercício na função de Soldado, o candidato deverá concluir com êxito no Curso de Formação de Soldado da Polícia Militar da Bahia. A jornada de trabalho será de 40 horas semanais. Para concorrer a uma das vagas será necessário nível médio completo, idade mínima de 18 e máxima de 30 anos, altura mínima de 1,60m para candidatos do sexo masculino e de 1,55m para candidatas do sexo feminino, além de Carteira Nacional de Habilitação válida, na categoria “B”. Durante o período de realização do Curso de Formação de Soldado da Polícia Militar da Bahia, o candidato matriculado na condição de Aluno Soldado PMBA/CBMBA receberá, a título de bolsa de estudo, o equivalente a um salário mínimo, R$ 937,00 (novecentos e trinta e sete reais). Após o curso de formação, o salário será de R$ 2.585,05 (dois mil, quinhentos e oitenta e cinco reais e cinco centavos), constituído de vencimento básico, acrescido de Gratificação de Atividade Policial Militar – GAPM, nos termos da legislação vigente, mais 10% (dez por cento) de Auxilio Fardamento sobre o valor do soldo.

Cargos e Vagas do Concurso PM BA 2017 – Soldado

O concurso público da PM/BA 2017 conta com 1.819 vagas para candidatos do sexo masculino e 181 para o sexo feminino. As oportunidades são destinadas as regiões de Salvador (500 vagas masculino e 26 feminino), Juazeiro (186 masculino e 28 feminino), Feira de Santana (310 masculino e 36 feminino), Ilhéus (230 masculino e 20 feminino), Vitória da Conquista (212 masculino e 27 feminino), Barreiras (196 masculino e 20 feminino) e Itaberaba (185 masculino e 24 feminino).
A região de Salvador compõe Unidades subordinadas ao Comando de Operações Policiais Militares sediadas em Salvador e na Região Metropolitana de Salvador (BPM, CIPM); incluindo todas as suas áreas de responsabilidade. Já a região de Juazeiro compõe Companhias Independentes sediadas em Juazeiro; Paulo Afonso, Senhor do Bonfim, Jacobina, Casa Nova, Campo Formoso, Capim Grosso e Sobradinho; incluindo todas as suas áreas de responsabilidade.
A região de Feira de Santana compõe as Companhias Independentes da Polícia Militar (CIPM) sediadas em Feira de Santana, Alagoinhas, Euclides da Cunha, Santo Antônio de Jesus, Santo Amaro, Cipó, Cruz das Almas, Serrinha, Rio Real, Conde, Entre Rios, Santo Estevão, Riachão do Jacuípe, Catu, Irará e Amargosa. Já a região de Ilhéus integra as Companhias Independentes da Polícia Militar (CIPM) sediadas em Ilhéus; 87ª CIPM, Teixeira de Freitas, Itabuna, Porto Seguro, Valença, Itamaraju, Medeiros Neto, Gandu, Ubaitaba, Camacan, Ibicaraí, Canavieiras, Itacaré, Alcobaça, Mucuri; incluindo todas as suas áreas de responsabilidade.
A região de Vitória da Conquista compõe Unidades Companhias Independentes da Polícia Militar (CIPM) sediadas em Vitória da Conquista, Jequié, Brumado, Guanambi, Itapetinga, Ipiaú, Cândido Sales, Poções, Livramento de Nossa Senhora, Maracás e Caetité; incluindo todas as suas áreas de responsabilidade. Já a região de Barreiras integra as Companhias Independentes da Polícia Militar sediadas em Barreiras, Ibotirama, Santa Maria da Vitória, Bom Jesus da Lapa, Macaúbas, Luís Eduardo Magalhães e Formosa do Rio Preto; incluindo todas as suas áreas de responsabilidade. Por fim, a região de Itaberaba compõe a Unidade de Itaberaba, Irecê, Seabra, Lençóis e Ipirá; incluindo todas as suas áreas de responsabilidade.

Sobre o cargo de Soldado da PM BA

O Policial Militar terá missão de executar o policiamento ostensivo fardado, nas diversas modalidades, planejado pelas autoridades policiais militares competentes, a fim de assegurar o cumprimento da lei, a preservação da ordem pública e o exercício dos poderes constituídos; exercer a missão do policiamento ostensivo de segurança, de trânsito urbano e rodoviário, de proteção ambiental, guarda de presídios e instalações vitais, além do relacionado com a prevenção criminal, justiça restaurativa, proteção e promoção aos direitos humanos, preservação e restauração da ordem pública; atuar de maneira preventiva para dissuasão em locais ou áreas específicas, onde se presuma ser possível a perturbação da ordem; atuar de maneira repressiva, em caso de perturbação da ordem, e exercer a atividade de repressão criminal especializada; executar, quando designado, atividades de inteligência, de forma integrada com o Sistema de Inteligência, na forma da lei; participar, quando designado, de pesquisa, estatística e análise criminal, com vistas à ação policial-militar; entre outras atribuições.

Inscrição Concurso PM BA 2017 – Soldado

Os interessados em concorrer a uma das vagas no concurso poderão se inscrever entre 15 de maio de 2017 às 23 horas e 59 minutos do dia 19 de junho de 2017, no endereço eletrônico oficial da organizadora (www.ibfc.org.br). A taxa de inscrição custará R$70,00.

Provas Concurso PM BA 2017 – Soldado

Os inscritos no concurso serão avaliados por provas objetivas e discursivas, ambas de caráter eliminatório e classificatório, a serem aplicadas na data prevista de 06 de agosto de 2017. O candidato terá 04 (quatro) horas e 30 minutos para realizar a avaliação, incluído o tempo para leitura das instruções e preenchimento da Folha de Respostas, sendo responsabilidade do candidato observar o horário estabelecido. Os locais e horários de provas serão divulgados a partir do dia 28 de julho de 2017, no endereço eletrônico já citado. A prova objetiva contará com 80 questões, composta de conhecimentos gerais (30 questões – 1,0 ponto por questão) e conhecimentos específicos (50 questões – 1,4 pontos por cada questão). Para ser aprovado, o candidato deverá ter o desempenho de 60 pontos (60%), tanto na prova objetiva quanto na prova discursiva. A Prova Discursiva terá valor de 100 (cem) pontos e serão apresentados 3 (três) temas e o candidato deverá desenvolver apenas 1 (um) deles, devendo conter o mínimo de 20 (vinte) linhas e o máximo de 30 (trinta) linhas. Os critérios a serem analisados serão:

Ortografia / Acentuação / Propriedade Vocabular : 20
Morfossintaxe: 20
Pontuação / Elementos de Coesão: 20
Total de Pontos: 60

Correção de conteúdo: Pontuação Máxima
Desenvolvimento do Tema / Tipologia Textual / Coerência Textual: 20
Seleção de Argumentos / Construção da Argumentação: 20
Total de Pontos: 40

O que estudar para o concurso da PM BA 2017?

LÍNGUA PORTUGUESA: 1.Ortografia oficial. 2. Acentuação gráfica. 3. Flexão nominal e verbal. 4. Pronomes: emprego, formas de tratamento e colocação. 5. Emprego de tempos e modos verbais. 6. Vozes do verbo. 7. Concordância nominal e verbal. 8. Regência nominal e verbal. 9. Ocorrência de crase. 10. Pontuação. 11. Redação (confronto e reconhecimento de frases corretas e incorretas). 12. Intelecção de texto. Redação oficial.
MATEMÁTICA/RACIOCÍNIO LÓGICO: 1.Resolução de problemas envolvendo frações, conjuntos, porcentagens, sequências (com números, com figuras, de palavras). 2. Raciocínio lógico‐matemático: proposições, conectivos, equivalência e implicação lógica, argumentos válidos.
HISTÓRIA DO BRASIL: 1. A sociedade colonial: economia, cultura, trabalho escravo, os bandeirantes e os jesuítas. 2. A independência e o nascimento do Estado Brasileiro. 3. A organização do Estado Monárquico. 4. A vida intelectual, política e artística do século XIX. 5. A organização política e econômica do Estado Republicano. 6. A Primeira Guerra Mundial e seus efeitos no Brasil. 7. A Revolução de 1930. 8. O Período Vargas. 9. A Segunda Guerra Mundial e seus efeitos no Brasil. 10. Os governos democráticos, os governos militares e a Nova República. 11. A cultura do Brasil Republicano: arte e literatura. 12. História da Bahia: 12.1. Independência da Bahia. 12.2. Revolta de Canudos. 12.3. Revolta dos Malés. 12.4. Conjuração Baiana. Sabinada.
GEOGRAFIA DO BRASIL: 1. Organização político-administrativa do Brasil: divisão política e regional. 2. Relevo, clima, vegetação: hidrografia e fusos horários. 3. Aspectos humanos: formação étnica, crescimento demográfico. 4. Aspectos econômicos: agricultura, pecuária, extrativismo vegetal e mineral, atividades industriais e transportes. 5. A questão ambiental degradação e políticas de meio ambiente. 6. Geografia da Bahia: aspectos políticos, físicos, econômicos, sociais e culturais.
ATUALIDADES: Domínio de assuntos relevantes e atuais (nacionais e internacionais) divulgados pelos principais meios de comunicação.

Conhecimentos Específicos

NOÇÕES DE DIREITO CONSTITUCIONAL: 1. Constituição da República Federativa do Brasil: Poder Constituinte. 2. Dos princípios fundamentais. 3. Dos direitos e garantias fundamentais. 3.1. Dos direitos e deveres individuais e coletivos. 3.2. Da nacionalidade. 3.3. Dos direitos políticos. 4. Da organização do Estado. 4.1. Da organização político-administrativa. 4.2. Da União. 4.3. Dos Estados federados. 4.4. Do Distrito Federal e dos Territórios. 4.5. Da administração pública. 4.5.1. Disposições gerais. 4.5.2. Dos servidores públicos. 4.5.3. Dos militares dos Estados, do Distrito Federal e dos Territórios. 5. Da segurança pública. 6. Constituição do Estado da Bahia. 6.1. Dos Servidores Públicos Militares. 6.2. Da Organização dos Poderes. 6.2.1. Do Poder Legislativo. Da Assembléia Legislativa. Das Competências da Assembléia Legislativa. 6.2.2. Do Poder Executivo. Das Disposições Gerais. Das Atribuições do Governador do Estado. 6.2.3. Do Poder Judiciário. Das Disposições Gerais. Da Justiça Militar. 6.2.4. Do Ministério Público 6.2.5. As Procuradorias. 6.2.6. Da Defensoria Pública. 6.2.7. Da Segurança Pública.
NOÇÕES DE DIREITOS HUMANOS: 1. Precedentes históricos, Direito Humanitário, Liga das Nações e Organização Internacional do Trabalho (OIT). 2. A Declaração Universal dos Direitos Humanos/1948. 3. Convenção Americana sobre Direitos Humanos/1969 (Pacto de São José da Costa Rica) (arts. 1° ao 32). 4. Pacto Internacional dos Direitos Econômicos, Sociais e Culturais (arts. 1° ao 15). 5. Pacto Internacional dos Direitos Civis e Políticos/1966 (arts. 1° ao  271).
NOÇÕES DE DIREITO ADMINISTRATIVO: 1. Administração pública: conceito e princípios. 2. Poderes administrativos. 3. Atos administrativos. 3.1. Conceito. 3.2. Atributos. 3.3. Requisitos. 3.4. Classificação. 3.5. Extinção. 4. Organização administrativa. 4.1. Órgãos públicos: conceito e classificação. 4.2. Entidades administrativas: conceito e espécies. Agentes públicos: espécies. 5. Regime jurídico do militar estadual: Estatuto dos Policiais Militares do Estado da Bahia (Lei estadual nº 7.990, de 27 de dezembro de 2001). 6. Lei estadual nº 13.201, de 09 de dezembro de 2014 (Reorganização a Polícia Militar da Bahia).
NOÇÕES DE DIREITO PENAL: 1. Da aplicação da lei penal. 1.1. Lei penal no tempo. 1.2. Lei penal no espaço. 2. Do crime. 2.1. Elementos. 2.2. Consumação e tentativa. 2.3. Desistência voluntária e arrependimento eficaz. 2.4. Arrependimento posterior. 2.5. Crime impossível. 2.6. Causas de exclusão de ilicitude e culpabilidade. 3. Contravenção. 4. Imputabilidade penal. 5. Dos crimes contra a vida (homicídio, lesão corporal e rixa). 6. Dos crimes contra a liberdade pessoal (ameaça, sequestro e cárcere privado). 7. Dos crimes contra o patrimônio (furto, roubo, extorsão, apropriação indébita, estelionato e outras fraudes e receptação). 8. Dos crimes contra a dignidade sexual 9. Dos crimes contra a paz pública (quadrilha ou bando). 10. Legislação esparsa: Lei federal n° 9.455, de 07 de abril de 1997 (Crimes de tortura).
NOÇÕES DE IGUALDADE RACIAL E DE GÊNERO: 1. Constituição da República Federativa do Brasil (art. 1°, 3°, 4° e 5°). 2. Constituição do Estado da Bahia, (Cap. XXIII “Do Negro”). 3. Lei federal n° 12.288, de 20 de julho de 2010 (Estatuto da Igualdade Racial). 4. Lei federal nº 7.716, de 5 de janeiro de 1989 (Define os crimes resultantes de preconceito de raça ou de cor) e Lei  federal n° 9.459, de 13 de maio de 1997 (Tipificação dos crimes resultantes de preconceito de raça ou de cor). 5. Decreto federal n° 65.810, de 08 de dezembro de 1969 (Convenção internacional sobre a eliminação de todas as formas de discriminação racial). 6. Decreto federal n° 4.377, de 13 de setembro de 2002 (Convenção sobre a eliminação de todas as formas de discriminação contra a mulher). 7. Lei federal nº 11.340, de 7 de agosto de 2006 (Lei Maria da Penha). 8. Código Penal Brasileiro (art. 140). 9. Lei federal n° 9.455, de 7 de abril de 1997 (Crime de Tortura). 10. Lei federal n° 2.889, de 1º de outubro de 1956 (Define e pune o Crime de Genocídio). 11. Lei federal nº 7.437, de 20 de dezembro de 1985 (Lei Caó). 12. Lei estadual n° 10.549, de 28 de dezembro de 2006 (Secretaria de Promoção da Igualdade Racial); alterada pela Lei estadual n° 12.212, de 04 de maio de 2011. 13. Lei federal nº 10.678, de 23 de maio de 2003, com as alterações da Lei federal nº 13.341, de 29 de setembro de 2016 (Referente à Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial da Presidência da República).
Noções de direito Penal Militar: 1. Dos crimes contra a autoridade ou disciplina militar: Motim. Revolta. Conspiração. Aliciação para motim ou revolta. Da violência contra superior ou militar de serviço: Violência contra superior. Violência contra militar de serviço. Desrespeito a superior. Recusa de obediência. Oposição à ordem de sentinela. Reunião ilícita. Publicação ou crítica indevida.  Resistência mediante ameaça ou violência.  2. Dos crimes contra o serviço militar e o dever militar: Deserção. Abandono de posto. Descumprimento de missão. Embriaguez em serviço. Dormir em serviço. 3. Dos crimes contra a Administração Militar: Desacato a Superior. Desacato a militar. Desobediência. Peculato. Peculato-furto.  Concussão. Corrupção ativa. Corrupção passiva. Falsificação de documento. Falsidade ideológica. Uso de documento falso. 4. Dos crimes contra o dever funcional: Prevaricação.
O concurso PM BA terá validade de 01 (um) ano, a contar da data da publicação da Homologação, podendo antes de esgotado esse prazo de validade, ser prorrogado uma vez, por igual período, a critério da Administração, por ato expresso do Secretário da Administração do Estado da Bahia, do Comandante Geral da Polícia Militar da Bahia.

Edital do Concurso para PM Bahia

Edital do concurso da PM e Bombeiros da Bahia será publicado nesta quarta

10 de maio de 2017 às 09:11 | em: Bahia,Emprego,Policia

Foto: Ilustração

O governador Rui Costa (PT) anunciou, na noite desta terça-feira (9), em transmissão ao vivo no Facebook (goo.gl/g50yGi), o lançamento do edital do concurso público para o provimento de 2.750 vagas na área de segurança pública do Estado da Bahia. O edital de abertura de inscrições, elaborado conjuntamente pela Secretaria da Administração (Saeb) e pelos comandos gerais da Polícia Militar da Bahia (PMBA) e do Corpo de Bombeiros Militar, será publicado nesta quarta-feira (10), no Diário Oficial do Estado (DOE). “Chegou a hora de se inscrever, escolher o local de fazer a prova e ajudar a segurança pública e esse trabalho maravilhoso feito pelo Corpo de Bombeiros“, afirmou Rui. Com validade de um ano, prorrogável por igual período, o concurso terá duas etapas e será realizado pela Saeb e pelo Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC), que na Bahia é responsável pelos concursos públicos da Embasa e Agerba. As inscrições acontecerão de 15 de maio a 19 de junho, exclusivamente pela internet, no site da IBFC, seguindo o horário de Brasília. A taxa custa R$ 70. De acordo com o edital, 2 mil vagas são destinadas ao Curso de Formação de Soldado da Polícia Militar e 750 vagas são voltadas ao Curso de Formação de Soldado do Corpo de Bombeiros Militar.

 

IBGE abre inscrições para realizar o Censo Agropecuário 2017; edital tem 3 mil vagas para a Bahia

07 de maio de 2017 às 11:06 | em: Bahia,Emprego

Foto: Ilustração

O IBGE divulgou nesta segunda-feira (24) o segundo edital do processo seletivo para o Censo Agropecuário 2017, com 24.984 vagas temporárias em todo o país, sendo 3.059 são para a Bahia. No estado, 656 vagas exigem nível médio completo, sendo 143 para Agente Censitário Municipal (ACM), com remuneração de R$ 1.900; e 513 para Agente Censitário Supervisor (ACS), com remuneração de R$ 1.600. Outras 2.403 vagas para recenseador têm remuneração por produção e demandam exigem nível fundamental completo. A maior parte das vagas é para o interior da Bahia. O edital foi publicado na edição desta segunda do Diário Oficial da União (DOU). As inscrições ficam abertas até o dia 23 de maio de 2017 e podem ser feitas pela internet (clique aqui e acesse).

Confira as vagas de empregos disponíveis nesta terça-feira (2)

02 de maio de 2017 às 10:02 | em: Emprego,Feira De Santana

Foto: Ilustração

Técnico em informática e redes
Experiência em cabeamento estruturado e telefonia. Enviar currículo par rh@ibtinformatica.com.br

Representante comercial
Represente comercial autônomo, com veículo. Carteira de clientes em indústrias será diferencial. Enviar currículo para: processoseletivocontrat@gmail.com – Assunto: Representante autônomo com veículo.
Ajudante de pizzaiolo
Vaga pra extra no final de semana – Com experiência – Trabalhar em Feira de Santana no Restaurante Italiano Don Pasquale. Regime de contratação de tipo Efetivo – CLT. Jornada de trabalho das 17h à 1h da manhã. Exigências: escolaridade mínima: ensino fundamental completo. Funções: auxiliar na preparação de alimentos, higienização, manterem o local organizado e demais serviços da função. Morar próximo ao bairro Brasília. Refeição no local. Interessados entregar currículo no restaurante de terça a sexta de 18h ate 22h na Av. Maria Quitéria n.465, lado Brasília em frente o antigo Faustão – Falar com Mauro.

Garçom ou garçonete
Com experiência – Trabalhar em Feira de Santana no Restaurante Italiano Don Pasquale. Regime de contratação de tipo Efetivo – CLT. Jornada de trabalho das 17h às 1h da manhã. Exigências: escolaridade mínima: ensino fundamental completo. Funções: atendimento, higienização, Será responsável pelo atendimento ao cliente, tendo que receber os pedidos, servir o cliente na mesa e preparar o salão para o atendimento, e demais serviços da função. Necessário ter experiência na função. Morar não muito longe do bairro Brasília. Refeição no local – Ter transporte próprio. Interessados entregar currículo no restaurante de terça a sexta de 18,30h ate 22h na Av. Maria Quitéria n.465, lado Brasília em frente o antigo Faustão, Falar com Mauro.

Balconista
Empresa de Feira de Santana contrata balconista para atuar com vendas e recepcionar clientes – Salário: 1.060,00 + Vale-transporte. Horário de Trabalho: Comercial, de segunda a sábado. 44 horas semanais. E-mail: recrutamento.gkpsicologia@gmail.com

Operador de máquinas
Empresa de Feira de Santana contrata, operador de maquinas para realizar atividades como ajustar e operar máquinas de produção;Realizar testes nas máquinas para garantir a qualidade e padronização da mesma. Salário do Cargo: 1.547,06 + Vale transporte + vale alimentação. Horário de Trabalho: Escala de revezamento. E-mail: recrutamento.gkpsicologia@gmail.com

Vendedor externo
Empresa de Feira de Santana contrata vendedor para realizar avaliação de perfil de novos clientes; Cadastrar novos clientes; Ativar e positivar clientes;Acompanhar o giro dos produtos nos pontos de venda; Acompanhar a entrega dos produtos; Elaborar agenda de roteiros de visitas.Salário do Cargo: 1.060,00 + Adicional periculosidade de 30% + Comissão + Plano de saúde. E-mail: recrutamento.gkpsicologia@gmail.com

Motorista Categoria D
Empresa de Feira de Santana contrata motorista categoria D. Salário do Cargo: R$1.653,27 + Benefícios. E-mail: recrutamento.gkpsicologia@gmail.com

Mecânico de manutenção (industrial)
Empresa de Feira de Santana contrata mecânico industrial para realizar manutenção das máquinas, equipamentos e instalações. Escolaridade: Formação técnica como mecânico de manutenção industrial ou automação. E-mail: recrutamento.gkpsicologia@gmail.com
Auxiliar de recursos humanos
Empresa em Feira de Santana contrata auxiliar de Recursos Humanos para realizar atividades de recrutamento e seleção, emissão de relatórios e acompanhamento de clientes. Escolaridade: Graduação em Administração. E-mail: recrutamento.gkpsicologia@gmail.com

Acorda Cidade

Trabalhadores dos Correios entram em greve por tempo indeterminado na BA, diz sindicato

27 de abr de 2017 às 11:21 | em: Bahia,Emprego

Foto: Reprodução

Os trabalhadores dos Correios na Bahia decidiram aderir à greve nacional da categoria e cruzaram os braços desde as 22h de quarta-feira (26), de acordo com o Sindicato dos Trabalhadores em Correios e Telégrafos do Estado (Sincotelba). A decisão foi tomada em assembleia no mesmo dia, em frente à agência central dos Correios, no bairro do Comércio. Com a paralisação, 30% dos trabalhadores devem continuar trabalhando e a entrega de encomendas emergenciais, a exemplo de medicamentos, deve ser mantida, de acordo com o Sincotelba. A mobilização em todo país é feita pela Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios e Telégrafos e Similares (FENTECT). Procurada pelo G1 na manhã desta quinta-feira (27), a assessoria dos Correios afirmou que ainda não tem posicionamento sobre a paralisação. A diretora do Sincotelba Sandra Balbino disse que a categoria é contra a possibilidade de privatização dos Correios e o fechamento de unidades da empresas que estaria previsto para todo o país. “A privatização dos Correios gera prejuízo para toda a população. Está previsto o fechamento de 200 agências em todo o país, principalmente em cidades pequenas. Lembrando que os Correios têm cunho social e as agências chegam em vários lugares como representantes bancários”, defende. Ela afirma que os trabalhadores também reclamam da falta de atendimento pelas clínicas e hospitais credenciadas pelo plano de saúde dos Correios, o CorreioSaúde, e ainda pedem a tomada de medidas de segurança nas agências, como implantação de portas giratórias, devido ao aumento no número de assaltos. (G1 Bahia).

Desemprego atinge 13,5 milhões de brasileiros; pior resultado apurado pelo IBGE

03 de abr de 2017 às 09:06 | em: Brasil,Emprego

Foto: Ilustração

Com o resultado, o Brasil tem 13,5 milhões de pessoas desocupadas e teve alta de 11,7%, ou seja, mais de 1,4 milhão de pessoas quando comparada ao trimestre encerrado em novembro de 2016. Na comparação com igual trimestre de 2016, a alta foi de 3,2 milhões no número de desempregados no País, informou o IBGE. Outro indicador que teve recorde na série história da pesquisa do Pnad foi o nível de ocupação – que mede o percentual da população empregada em idade de trabalhar. A taxa de ocupação foi de 53,4% no trimestre encerrado em fevereiro, o que representa queda de 0,7 frente ao trimestre anterior. Já a comparação com o mesmo período de 2016, o nível de ocupação apresentou retração de 1,8 ponto percentual, sendo o menor índice desde 2012 no País. O número de brasileiros enquadrados em “fora da força de trabalho” foi de 64,6 milhões no trimestre encerrado no mês de fevereiro. O resultado mostra estabilidade na comparação com o trimestre diretamente anterior, encerrado em novembro. Já na comparação anual o contingente de brasileiros fora da força de trabalho apresentou alta de 1,1%, ao somar 730 mil pessoas nessa situação.

IBGE é autorizado a realizar seleção para até 26,4 mil vagas temporárias

21 de mar de 2017 às 15:25 | em: Brasil,Emprego

Foto: Ilustraçao

O instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) foi autorizado a contratar por tempo determinado até 26.440 profissionais para atuar no Censo Agropecuário 2017. O Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão autorizou o processo seletivo por meio da portaria nº 45 publicada no “Diário Oficial da União”, desta sexta-feira (17). Segundo o documento, as oportunidades serão para analista censitário (266), agente censitário regional (375), agente censitário administrativo (381), agente censitário municipal (1.285), agente censitário supervisor (4.946), agente censitário informativo (174) e recenseador (19.013). O nível de escolaridade dos cargos não foi divulgado. As contratações deverão ser efetuadas por meio de processo seletivo simplificado, observados a ordem de classificação e os critérios e condições estabelecidas pelo Poder Executivo. O prazo de duração dos contratos deverá ser de até 1 ano, com possibilidade de prorrogação até o limite máximo de 3 anos. Decorrido o período de 3 anos a partir da divulgação do resultado do final do processo seletivo, não mais poderão viger os contratos firmados com base na autorização da portaria nº 45. O IBGE deverá definir a remuneração dos profissionais a serem contratados. Na portaria não há informações sobre a previsão de publicação do edital de processo seletivo.

Seleção cancelada em 2016

Em dezembro de 2015, foram autorizadas 82 mil vagas temporárias para o Censo Agropecuário do IBGE de 2016, mas a seleção foi cancelada em abril de 2016 por causa de um corte no orçamento. Em agosto de 2016, Paulo Rabello, presidente do IBGE, afirmou que o Censo Agropecuário seria realizado em 2017. “O censo já está salvo ou então não estarei aqui. Já que ele não rodou esse ano. E fatalmente rodará no ano que vem ou então não estarei aqui. Acho que o Censo Agropecuário é de enorme importância. Isso é comando legal, ou muda a lei ou muda a presidência do IBGE. Existe uma lei que comanda a realização de um Censo Demográfico a cada dez anos e o Censo Agropecuário a cada cinco”, declarou na época. (G1 Noticias).