Barragem de rejeitos em Jacobina é a mais perigosa das 34 existentes na Bahia

04 de fev de 2019 às 16:50 | em: Jacobina,Notícias

Foto: Reprodução / Correio

Das 34 barragens de rejeitos de mineração na Bahia registradas junto à Agência Nacional de Mineração (ANM), é na cidade de Jacobina que está localizada duas das barragens mais perigosas da Bahia. Conforme apurou da reportagem do Correio, a Barragem na Chapada Diamantina é a que causariam mais estragos em caso de rompimento. A preocupação é maior por essas barragens serem parecidas com a de Brumadinho, ou seja, localizadas em regiões mais altas, tornando a queda do material mais violenta. Outra semelhança, conforme atestou à reportagem do Correio o professor da Escola Politécnica da Ufba, José Baptista Oliveira Júnior, é o fato de as barragens terem sido construídas com os próprios rejeitos. “Além disso, a jusante (o lado em direção à foz) da de Jacobina está em um vale muito grande e ainda há muitas pessoas que moram lá, apesar da empresa ter comprado terrenos e casas e indenizado esse pessoal para morar em outro lugar, exatamente com a preocupação com a possibilidade de romper. Mas nem todo mundo saiu”, explica o professor, em entrevista ao Correio.

Como você se sentiu com este conteúdo?
Curti
Curti Amei Feliz Surpreso Triste Raiva

Clique aqui para seguir nossa página no Facebook.