Auditor Fiscal aposentado morre após ser atacado por funcionário em fazenda de Tucano

14 de set de 2017 às 14:33 | em: Euclides da Cunha,Tucano

Foto: Reprodução

O Auditor Fiscal aposentado, Emmanuel Campos “Manelão”, não resistiu aos graves ferimentos sofridos após ser atacado por um funcionário de sua fazenda. Ele morreu no hospital EMEC, em Feira de Santana, onde se encontrava internado na UTI. A notícia da morte foi confirmada por familiares da vítima ao site euclidesdacunha.com. Segundo o site, Manelão, que é irmão do politico Betão Campos, foi vítima de agressão física praticada “Geninho”, que cuidava de uma fazenda de sua propriedade na região do povoado de Tracupá, em Tucano. O fato ocorreu por volta das 17 horas da última sexta-feira (08), mas só chegou ao conhecimento dos familiares, quase 17 horas depois, após ser agredida a golpes de porrete e facão, a vítima ficou sem socorro durante todo este período.

O criminoso

Foto: Reprodução

Segundo o site Gil Santos Notícias, antes da morte de Emmanuel Campos ser confirmada, Jânio dos Santos Reis, o “Geninho”, se apresentou a polícia, prestou depoimento e foi liberado para responder em liberdade, sobre a tentativa de homicídio cometida. O autor-confesso do crime, chegou por volta das 16h, ao Complexo Policial Civil acompanhado de advogados e de uma irmã, foi ouvido pelo delegado Paulo Sérgio Cardoso, apresentou sua versão para o fato e, como havia se livrado do flagrante, a autoridade policial procedeu o interrogatório, que será encaminhado ao Juizo da Comarca de Tucano, município onde aconteceu o fato e liberou o acusado, de acordo com a lei.

Como você se sentiu com este conteúdo?
Curti
Curti Amei Feliz Surpreso Triste Raiva

Clique aqui para seguir nossa página no Facebook.