Araci: Poço Grande tem rachaduras e maior risco de rompimento entre barragens da Bahia, diz relatório

27 de jan de 2019 às 10:17 | em: Araci

Barramento em risco | Foto: A Voz do Campo

O Relatório de Segurança de Barragens – RSB, da Agência Nacional de Águas (ANA), apresenta à sociedade um panorama da evolução da segurança das barragens brasileiras e da implementação da PNSB, incluindo a melhoria da gestão da segurança. São apresentadas ações por eles implementadas com vista ao cumprimento da Lei, tendo como finalidade melhorar as condições de segurança das barragens brasileiras. Trata-se de um instrumento da Política Nacional de Segurança de Barragens, estabelecida pela Lei nº 12.334/2010. O RSB é elaborado, anualmente, sob a coordenação da Agência Nacional de Águas (ANA), que o enviará ao Conselho Nacional de Recursos Hídricos (CNRH), para suas considerações. Em seguida, o CNRH enviará para o Congresso Nacional. O documento traz um preocupante dado: 10 barragens da Bahia estão em risco de rompimento. Entre elas, uma está em Araci – Açude de Poço Grande (relembre aqui). Segundo o relatório, o Instituto de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), ligado ao governo do estado, aponta que a barragem tem rachaduras no seu coroamento, classificados como perigo 2, ou seja, já está em estado de alerta. No relatório, o Poço Grande tem o maior risco de rompimento entre as barragens da Bahia (ver aqui). O site A Voz do Campo aprofundou a pesquisa e descobriu que o Governo Federal, através do Ministério da Integração Nacional, tem uma Ação Preparatória, de 30 de Junho de 2018, para recuperação da barragem (ver aqui). Ela não foi iniciada. A obra ocorrerá em Regime Diferenciado de Contratação – RDC.

Como você se sentiu com este conteúdo?
Curti
Curti Amei Feliz Surpreso Triste Raiva
3

Clique aqui para seguir nossa página no Facebook.